Resenha: Tudo Acontece no Momento Certo

14 agosto 2018
Sinopse: Em “Procurando o amor nos lugares errados”, Annie tentou arrumar um namorado pela internet, mas não conseguiu nada além de um coração partido. Enquanto se perguntava o que deu errado mais uma vez, ela conheceu um dançarino de hip hop atraente, engraçado e sincero. Mas​,​ assim que Casey a chamou para sair, ele teve que deixar a cidade para fazer um​a​ tur​nê com uma promissora pop star. Annie estava disposta a esperá-lo, mas então recebeu uma mensagem de Nate.
Mesmo ​ainda atraída​ por Nate​,​ Annie não esquece que​ ele transou com ela e depois a abandonou num bar sem dizer​ nada. Annie aceitará a explicação de Nate e lhe dará uma segunda chance? Ou o charme e a determinação de Casey para lhe mostrar como um homem de verdade deve tratar uma mulher a conquistar​ão? Pode ser também que os dois homens fiquem a ver navios quando alguém d​o seu passado reaparecer.
Junte-se​ à​ Annie em suas aventuras em “Tudo acontece no momento certo”, enquanto ela toma algumas das maiores decisões de sua vida.
Hello pessoas, tudo certinho?!?! Vamos falar do segundo livro série Amor em L.A. da autora Audrey Harte, Tudo Acontece no Momento Certo. No primeiro livro, Annie não conseguiu me cativar. Achei que faltou um pouco de maturidade a ela, em relação a sua vida amorosa. Dessa vez, não foi diferente.

Vocês lembram que ela conheceu Nate no Craiglist, que para fazer uma analogia que todos possam entender, é uma espécie de Tinder pago, e o cara sumiu. Para minha alegria, ela conheceu Casey, um fofo cheio de amor para dar. Então a beleza saiu da posição de levar um pé na bunda de um embuste, para ter dois pretendentes e um deles, teoricamente, um idiota. Então eis que ele reaparece querendo se desculpar, e ela faz o quê??? Aceita ouvir as desculpas do mala.

Resenha: Iluminada Pela Paixão

10 agosto 2018
Mary Catharina Rothembourg, a filha de um ferreiro que morreu quando ela era criança, foi criada pela mãe e não recebeu nenhuma educação formal. Aos 15 anos, em Londres, ela conheceu Sir Harry Holland, que a contratou como anfitriã e animadora de festa de despedida de solteiro: o início da decadência da bela menina-moça, ignorante, pobre e sem ninguém por ela. Usada de todas as formas, ela passou de mão em mão, até ser despachada como amante de um velho correspondente inglês, em Nápoles, para que ela não atrapalhasse um ótimo casamento que o nobre amante falido faria em Londres. Enganada, na iminência de ficar cega, ela aceita se casar com o homem que a recebeu em sua casa. O duque de Grafton tinha um passado tão sujo quanto o dos amantes de Mary Catharina e, em visita a Nápoles, conheceu a dama já completamente cega e quis o destino que, de alguma forma, ele expiasse seus pecados.

Imagine que você está andando tranquilamente pela cidade, quando a visão foge completamente de seus olhos. Terrível só de imaginar, não é mesmo? Pois foi assim que Mary ficou cega. Ela acreditava que a cegueira veio como um castigo, por conta de sua vida pregressa nada aceitável pela sociedade. Foi amante de alguns homens e dançava nua em cima de mesas, animando festas para "cavalheiros".

Mary passava seus dias em casa, com duas acompanhantes, que a ajudavam nas tarefas e principalmente para disfarçar, dando dicas do que fazer em cada situação. Seu marido era um bruto e ela sabia que se sir Horace descobrisse sua cegueira, ela seria colocada para fora, sem nada. Numa noite em que receberam convidados, Mary deveria cumprimentá-los. Um deles, o duque de Grafton, foi extremamente gentil com ela.

Queria o acaso que eles se apaixonassem. Não vou entrar em detalhes porque você vai conhecê-los no livro, mas as circunstâncias favoreceram o romance dos dois. Acontece que Mary era cega e seu passado não permitia que ela se casasse com um duque, especialmente com uma mãe e uma tia como ele tem.

[COVER REVEAL] Not Until You by Corinne Michaels

09 agosto 2018

Hello pessoas, tudo certinho?!?! A querida Corinne Michaels está de volta com Not Until You. O lançamento lá fora será dia 24 de setembro.

Corinne é publicada aqui no Brasil pela The Gift Box, que nos apresentou We Own Tonight, que aqui ganhou o nome de, Esta noite é Nossa. Você pode adquirir seu ebook na Amazon, AQUI, também está disponível no KU.

[COVER REVEAL] The Truth About Lies by Aly Martinez

08 agosto 2018



Hello pessoas, hoje é o dia das revelações. A autora Aly Martinez lançará uma nova duologia chamada The Truth Duet.

Composta pelos livros The Truth about Lies e The Truth about Us, com lançamento para 23 de agosto e 13 de setembro, respectivamente. Depois de olhar para essa capa bombástica, confira a sinopse em tradução livre, e já sabe né?! Se usá-la, dê o crédito ao blog.

[COVER REVEAL] Beauty Found By Tillie Cole

Hello pessoas, tudo certinho??? A mãe dos Hades Hangmen chegou com esse tiro em nossa cara!! Preparada não estávamos, mas já sabíamos que em breve ela traria novidades.

Então preparem-se para mais um capítulo nessa saga Dark que todas amamos. Abaixo sinopse em tradução livre, já sabe né pessoal, se usarem deem o credito ao Blog. E agora aproveitem!!


[NEWS] Trecho de Respect by Jay Crownover

07 agosto 2018

Hello pessoas, tudo certinho?!?! O Mais novo lançamento da autora Jay Crownover está disponível, e para comemorar temos um trechinho para vocês conferirem.

Respect é o terceiro livro da série The Breaking Point, que já tem Honor e Dignity. Eu já garanti o meu, e em breve falaremos mais sobre ele.

Resenha: Mas Tem Que Ser Mesmo Para Sempre?

01 agosto 2018

De uma forma divertida, Sophie Kinsella nos mostra que as pessoas que mais conhecemos são aquelas que também mais podem nos surpreender. Juntos há dez anos, Sylvie e Dan compartilham todas as características de uma vida feliz: uma bela casa, bons empregos, duas filhas lindas, além de um relacionamento tão simbiótico que eles nem chegam a completar suas frases – um sempre termina a fala do outro. No entanto, quando os dois vão ao médico um dia, ouvem que sua saúde é tão boa que provavelmente vão viver mais uns 68 anos juntos... e é aí que o pânico se instala. Eles nunca imaginaram que o “até que a morte nos separe” pudesse significar sete décadas de convivência. Em nome da sobrevivência do casamento, eles rapidamente bolam um plano para manter acesa a chama da paixão: de um jeito criativo e dinâmico, passam a fazer pequenas surpresas mútuas, a fim de que seus anos (extras) juntos nunca se tornem um tédio. Porém, assim que o Projeto Surpresa é colocado em prática, contratempos acontecem e segredos vêm à tona, o que ameaça sua relação aparentemente inabalável. Quando um escândalo do passado é revelado e algumas importantes verdades não ditas são questionadas, os dois – que antes tinham certeza de se conhecerem melhor do que ninguém – começam a se perguntar: Quem é essa pessoa de verdade?...”. Um livro espirituoso e emocionante que esmiúça os meandros do casamento e que demonstra como aqueles que amamos e achamos que conhecemos muito bem são os que mais podem nos surpreender.

Eu adoro os livros da Sophie. A autora escreve romances bem divertidos e seus protagonistas são meio maluquinhos, mas, cá entre nós, a resenhista aqui pra ser normal tá bem distante haha. Então, tenha a mente aberta, ok? Senão você não vai entender a temática da história.

O livro começa no dia em que Sylvie e Dan estão almoçando juntos e comemorando dez anos que se conheceram. Eles estão casados há sete e são pais de gêmeas de cinco anos. Tudo ia muito bem até que na mesma tarde os dois vão fazer exames de saúde. Lá, descobrem que vão viver até os cem anos, por aí. Isto quer dizer que ainda vão ficar juntos por 68 anos, aproximadamente.