Resenha: Nimona, @intrinseca

24 fevereiro 2017

Sinopse: Nimona é uma metamorfa sem limites nem papas na língua, cujo maior sonho é ser comparsa de Lorde Ballister Coração-Negro, o maior vilão que já existiu. Mas ela não sabia que seu herói possuía escrúpulos. Menos ainda uma deliberada missão.
Até conhecer Nimona, Ballister fazia planos que jamais davam certo. Felizmente, a garota tem muitas sugestões para reverter esse quadro. Infelizmente, a maioria envolve explosões, sangue e mortes. Agora, Coração-Negro não só tem que enfrentar seu arqui-inimigo e ex-amigo, o célebre e heroico Sir Ambrosius Ouropelvis, mas também impedir que a fiel comparsa destrua todo o reino ao tentar ajudá-lo.
Uma história subversiva e irreverente que mistura magia, ciência, ação e muito humor sobre camadas e mais camadas de reflexão – entre uma batalha e outra, é claro.
Olá pessoal, hoje vamos conversar sobre essa HQ que veio para acabar com todos os estereótipos construídos sobre heróis e vilões, vamos lá?!

Antes de mais nada preciso falar sobre a autora, Noelle Stevenson, que além de autora é quadrinista e foi quem fez as ilustrações da Graphic Novel. No site dela tem ilustrações e demais trabalhos feitos pela autora, vale a pena conhecer.

Nimona é uma metamorfa cheia de atitude que quer se juntar a Lorde Ballister, um vilão bem diferente, para ser sua assistente e assim conseguir conquistar todo o reino. O que ela não sabe é que, para ele, vilania tem regras que precisam ser cumpridas para que nada fuja do controle, ela já quer cegar explodindo e destruindo tudo na maior velocidade possível.
Não, não é assim que eu trabalho. Não podemos sair por aí matando todo mundo. Existem REGRAS Nimona.

Isso para ela é um absurdo, pois afinal ele é o maior vilão do reino e precisa fazer as coisas com mais caos e precisa deter a qualquer custo o herói, que não é tão herói assim, Sir Ouropelvis. Sim os nomes são bem diferentes, mas isso é uma característica de Graphics né, poder usar nomes não recorrentes e muito menos convencionais. Você deve estar se perguntando por hora eu falo HQ e hora Graphic Novel, então vamos esclarecer. Toda história em quadrinho é uma HQ, mas normalmente chamamos assim aquelas que saem mensalmente, como uma série. As Graphics Novel (Novela Gráfica) é um quadrinho com começo, meio e fim, você sabe tudo o que acontece em um único volume.

Mas voltando ao universo de Nimona, temos um universo tão rico e tão diferente do que esperamos que temos muita dificuldade em lidar com as ações de cada um deles, afinal nosso cérebro foi condicionado a entender que herói e bondade são sinônimos e que vilão e maldade também o são. Aqui somos levados a questionar esses posicionamentos e a vermos com outros olhos as ações das pessoas, se a intenção da autora não foi causar questionamento, me causa tanto espanto quanto o caráter discutível do herói.

A história é tão atual quanto a situação que nosso país está vivendo que ela poderia perfeitamente ter sido escrita por alguém brazuca. O sistema manipula o herói, manipula o vilão, faz com que todos achem o que eles querem do jeito que eles querem, e se por ventura tentam mostrar a verdade eles impedem... Gente eu tô falando de Nimona mesmo??? Agora fiquei meio em dúvida...
Devo interromper a transmissão?Se fizermos isso, vão saber que entramos em pânico. A notícia ficaria ainda mais crível. Deixe a transmissão continuar. Envie um pelotão até a emissora e mande  prender a âncora assim que entrarem os comerciais.
Pois bem, eu estava falando da HQ ainda, que susto. Então Nimona é para você ler, dar boas risadas e ao mesmo tempo questionar tudo aquilo que temos convencionado. Apesar dela tentar a todo custo transformar Ballister no vilão que ela sempre idealizou, a luta no final não é sobre o bem e o mal, e sim sobre as escolhas que fazemos sobre nossas ações.

Adorei mesmo a história, temos a construção de personagens fortes, temos questionamento sobre amizade, sobre o poder e sobre o que você faria ou não para alcançar seu objetivo. Não entendo de desenho para analisar a fundo o traço da autora, mas gostei dela ter saído dos estereótipos fortões e da menina gostosona para ser a personagem principal, que pode ser uma heroína ou uma grande vilão dependendo do seu ponto de vista. Se você quiser conhecer um pouquinho Nimona antes de comprá-la, clique AQUI. Recebemos a HQ em parceria com Aliança de Blogueiros - RJ.

Quatro notas musicais para Nimona!
Ficha Técnica:
Autor: Noelle Stevenson
Páginas: 272
Editora: Intrínseca
Ano: 2016
Skoob: Nimona

Até mais


14 comentários

  1. Faz um tempão que não leio quadrinhos, mas Nimona é um daqueles que você precisa conhecer. Eu já tinha ouvido falar e estou muito curiosa para ler. Amei a Nimona e não vejo a hora de conhecer as aventuras e confusões que ela irá se meter com o vilão Lorde Ballister. Ótima resenha, bjss!

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Caraca, eu não sabia dessa diferença entre HQ's e Graphics Novel - vivendo e aprendendo, kkk.
    Sobra a trama, eu adorei logo de cara. Fiquei imaginando a reação dela ao descobrir que o vilão seguia "regras", kkkk. Preciso ler Nimona...

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Não gosto de HQ's, mas esse me deixou muito curiosa, acho que vou tentar dar uma chance.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Legal esta sua análise sobre a situação do livro e do nosso país, parece ser um livro mais adolescente mas gostei do estilo dele. Já vi bastante a divulgação deste livro mas não me lembro de ter lido alguma resenha a respeito.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  5. Aaaaah eu sou louca pra ler esse livro, ele parece ser muito divertido e eu ando vendo muitas resenhas positivas sobre ele por aí! Estou maravilhada e cheia de expectativas! Adorei sua resenha!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Apesar das várias resenhas positivas, não é um livro que me chame a atenção. Vou passar a dica para meus amigos que curtem o gênero.

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Que bacana, não conhecia essa HQ, fiquei bem interessada, achei bem divertida essa garota, gosto de personagens assim, cheios de energia, dica anotada.

    ResponderExcluir
  8. Oiii!

    EU não conhecia o HQ, faz tempo que não leio um. Parece ser uma boa história, bem amarrada e com uma dose critica boa <3
    Gostei bastante!

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? É uma HQ que quero tem um tempinho, afinal acho lindo o traço. Adorei sua opinião e fiquei mais animada ainda <3
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Desde que a Intrínseca lançou esse quadrinho que ele está na minha lista de desejos.
    Os traços são lindos e quero muito conhecer essa história. Sua resenha me deixou mais animada!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  11. A historia realmente parece ser bastante divertida e fantasiosa mas não é o tipo de historia que eu procuraria em um hq

    ResponderExcluir
  12. Pois então... Particularmente não sou muito fã de HQs. Entendo que é um estilo bastante interessante, mas acaba por não me prender. Indiquei essa resenha para uma amiga que ama e ela falou que a história de Nimona tem tudo para fazer o maior sucesso nesse mundo HQ, então isso deve ser algo bem positivo.rs.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?

    Ainda não conhecia essa HQ, mas por adorar esse estilo de leitura já fiquei interessada. Vou anotar a dica para ler em breve. Parabéns pela resenha.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  14. Yes!!! Sou colecionador de HQs e fico muito feliz quando vejo o pessoal pirando nessas HQs mais alternativas e indies.
    Ainda não tive a oportunidade de ler esse quadrinho mas só ouvi resenhas positivas!

    Uma ótima resenha e dica!
    Beijo forte,
    Hugo
    Raposa Cultural

    ResponderExcluir