Conhecendo: Tudo ou Nada, @BVBooks

03 março 2017
Sinopse: Jake Taylor e Amy Briggs planejaram passar toda a vida juntos. Porém a traumática perda do melhor amigo de infância de Jake, durante a passagem para o Ensino Médio, despertou reações em cadeia, virando suas vidas de cabeça para baixo.
Separados por milhares de quilômetros enquanto buscavam a realização de seus sonhos na faculdade, Jake e Amy encontram seus próprios caminhos em diferentes direções. Enquanto Jake vive suas fantasias de jogar basquete na faculdade pela Universidade de Louisville, Amy começa a descobrir o formidável chamado que existe dentro de si e aguça os sentidos por sua nova paixão. Jake perde o foco no seu relacionamento íntimo com Deus, depois desperta e percebe que precisa realizar drásticas mudanças para voltar ao caminho certo, além de outras coisas que merecem prioridade em sua vida.
Enquanto concluir a faculdade paira no futuro e suas vidas parecem um loop de giros e reviravoltas, há uma coisa que os prende: o passado que têm em comum. Quando o sonho de estarem juntos parece impossível, eles são desafiados à mais bela questão de suas vidas: “Eu estou disposto a sacrificar tudo e a confiar em Deus”?
Olá pessoal, estamos no terceiro livro... Mas não havia a menor necessidade da existência dele. A começar na sinopse novamente somos remetidos a morte do amigo lá na High School. Amigo esse que salvou a vida de Jake, mas que com as consequências da sua escolha ele não conseguiu fazer parte do clube dos populares. E Jake, sendo um menino de fé não fez nada para ser diferente. Imaturidade não pode ser justificativa para crueldade, e adolescentes são cruéis.


O livro começa com o Jake voltando para casa, com ênfase do autor que ele não está fazendo isso porque está com saudade da mãe, e sim por conta do cheque polpudo que recebeu da mesma. Então mais uma vez as condutas do rapaz não são muito condizentes com o que o livro quer nos passar, fico confusa toda vez que mostram esse personagem com um pouco mais de detalhe.

Amy que enfim deu um chega para lá nele no segundo livro e seguiu sua vida em diante e está em um relacionamento sério, com o chamado “cara do violão” segundo Jake. Adorei ver essa dor de cotovelo dele. Ele foi muito cretino durante o segundo livro então, fiquei feliz de ver esse momento... até passar alguns capítulos.

Tudo ou nada mostra exatamente a redenção do personagem mais ambíguo do livro, tentando consertar tudo que ele fez, nesse caso o que não fez também, como cumprir com a palavra dele com Amy, recuperar o que foi perdido pela fé. Oi?! Então ele mente e engana, ignora  e trata mal, mas como ele agora tem fé ele vai fazer tudo certo.

Acredito que a série poderia ser um livro só, ou no máximo dois, acho que se tivesse menos enrolação seria mais legal, e a história teria de fato alcançado seu objetivo. Muitas páginas remetendo ao mesmo incidente do primeiro livro acaba por ser cansativo.

Até mais!

Ficha Técnica:
Autor: Jim & Rachel Britts
Páginas: 448
Editora: BVBooks
Ano: 2015
Skoob: Tudo ou Nada



Nenhum comentário

Postar um comentário