Resenha: Uma Sombra na Escuridão, @gutenberg_ed

12 julho 2017
Sinopse: Do mesmo autor de A Garota No Gelo. A Detetive Erika Foster tem agora um desafio aterrorizante. “A sombra saiu da escuridão e subiu as escadas silenciosamente. Para observar. Para aguardar. Para colocar em prática o que há tanto tempo planejava.” Em uma noite de verão, a Detetive Erika Foster é convocada para trabalhar em uma cena de homicídio. A vítima: um médico encontrado sufocado na cama. Seus pulsos estão presos e através de um saco plástico transparente amarrado firmemente sobre sua cabeça é possível ver seus olhos arregalados. Poucos dias depois, outro cadáver é encontrado, assassinado exatamente nas mesmas circunstâncias. As vítimas são sempre homens solteiros, bem-sucedidos e, pelo que tudo indica, há algo misterioso em suas vidas. Mas, afinal, qual é o segredo desses homens? Qual é a ligação entre as vítimas e o assassino? Erika e sua equipe se aprofundam na investigação e descobrem um serial killer calculista que persegue seus alvos até achar o momento certo para atacá-los. Agora, Erika Foster fará de tudo para deter aquela sombra e evitar mais vítimas, mesmo que isso signifique arriscar sua carreira e também sua própria vida.
Olá pessoal tudo certinho? Hoje nosso encontro é com a detetive Erika Foster mais uma vez. Nosso primeiro encontro com ela foi com a A Garota no Gelo, livro de estreia do autor Robert Bryndza publicado aqui no Brasil pela Editora Gutenberg, você confere a resenha AQUI. Apesar da mesma detetive, as histórias são independentes, então você não precisa lê-los na sequência.
 A pequena sombra conhecia tudo: sabia a planta da casa, os horários do proprietário e, o mais importante, que naquela noite ele estava sozinho.
O livro começa com o assassinato de um médico respeitado e conhecido na região onde reside, um assassinato sem nenhuma pista concreta, sem nada que ajude a identificar o culpado ou a motivação. Mesmo que sua mãe tenha dado um depoimento que gerou muitas dúvidas em relação a esposa e ao cunhado do falecido, a polícia não encontrou nada de suspeito que pudesse sequer leva-los a delegacia. E na casa do falecido nada ajudava. Até que foi encontrado algo incomum dentro da gaveta da mesa de cabeceira. Até esse momento nenhuma pista do assassino.
A investigação estava fluindo quando a segunda vítima apareceu. Um famoso apresentador de um tabloide televisivo, muito conhecido por seu programa que tinha como objetivo desnudar a vida das pessoas diante das câmeras. Em um de seus últimos programas ele desnudou a vida impactante de uma jovem, que não aguentou a pressão e acabou se suicidando, será que essa era a causa de seu assassinato? Será que por esse motivo ele foi assassinado? Até que o cartão da máquina de um paparazzi dá a primeira grande pista do caso, e isso nos surpreende em vários aspectos.

Enquanto primeiro livro do autor descobrir o culpado é a grande questão, aqui a preocupação maior está contida na motivação. Na metade do livro aproximadamente nós descobrimos quem é o assassino. Ele se revela, isso se você não desconfiou antes disso, não é o norte da história. Aqui o mais importante e descobrir o que leva duas pessoas que não se conhecem de fato, mas sim de forma virtual, a se entregarem aos instintos primitivos de premeditar a morte de alguém e encontrar paz e sossego nisso.

Achei a abordagem do autor muito boa, enquanto normalmente a grande questão ao leitor é saber quem cometeu o grande crime da história, aqui temos a assassina, mas ainda não sabemos quem a ajudou e os motivos para isso. Confesso que achei que o comparsa dela fosse um personagem, mas ele, acaba por a ser a terceira vítima dela. Esse de fato não tinha nenhum contato com ela que justificasse a necessidade do seu ato, mas a psique da pessoa está tão alterada que consegue quase nos convencer de que suas ações são justificadas. Em paralelo a isso, temos uma investigação sobre uma rede de pedofilia onde um dos suspeitos do primeiro crime está envolvido e sendo vigiado pela polícia, por isso mesmo eles não podem interpelá-lo, o que nos deixa ainda mais envolvidos com a história querendo acompanhar o desfecho também dessa investigação.
 – Um monte de gente foi enganada por amigos, amantes e esposas. Você a conheceu pela internet, onde as pessoas fingem ser alguém que não são. Elas geralmente criam outra vida para si mesmas. Para que possam ser vistas de um jeito diferente.
Em contrapartida a tudo isso, temos uma Erika Foster lutando para ser promovida e lutando para provar que seu amigo, o médico legista Isaac não é culpado de um desses crimes, e sim, que ele também é uma vítima circunstancial da situação. O livro nos deixa a todo momento querendo saber o que vem a seguir, apesar do estilo do autor ainda não se mostrar muito definido, no primeiro livro ele optou pelo suspense do desconhecido e agora pela psique da motivação, creio que em muito breve ele terá seu nome consagrado entre os grandes escritores de Thrillers policiais.

Se você é daquelas pessoas que gostam de avaliar toda a construção da história e dos personagens, esse livro é para você! Se você gosta de solucionar os mistérios, esse livro também é para você! Pegue o livro liberto de preconceitos estabelecidos e mergulhe na investigação com a detetive mais casca grossa de Londres.


Ficha Técnica:
Autor: Robert Bryndza
Páginas: 320
Editora: Gutenberg
Ano: 2017

Até mais


10 comentários

  1. Não conhecia o título, mas pela sua resenha fiquei bem interessada em lê-lo. Deve ser bem envolvente. Vou por na lista. E parabéns pela resenha.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa! Esse livro parece ser incrível! Fiquei curiosíssima! Vou ler com certeza! Obrigada pela dica! Resenha linda!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  3. Oie!
    Ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas achei bem interessante. Ainda mais quando diz sobre os personagens e o mistério da trama. Vou anotar essa dica para conferir futuramente.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?

    A resenha me deixou com vontade de conhecer mais essa obra. A Garota no Gelo eu comecei, mas por motivos de trabalho tive que parar.

    Gostei demais da forma como apresentou a obra, e se ele conta quem é o assassino eu prefiro, pq sempre adivinho quem mata e porque.

    bjss

    ResponderExcluir
  5. Oie
    Não sabia q se tratava da mesma personagem e o fato de serem livros independentes já me fez gostar maus.
    Adoro histórias que instigam o leitor procurar por fatos e tentar solucioná - los.
    Gostei. Dica anotada
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    Faz algum tempo que "A garota no gelo" entrou para a minha lista de desejados, mas ainda não pude adquiri-lo. Sua resenha de "Uma sombra na escuridão" e saber que o autor mandou bem nesse livro também, faz com que eu deseje esse livro. hahaha. Ai céus, essa lista de desejados só cresce! Socorroooo! hahaha. Dica super anotada!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Ouvi algumas críticas negativas em relação ao primeiro livro dessa série, porém uma amiga minha super rígida gostou desse segundo livro e por isso fiquei doida querendo ler hahaha. Ler sua resenha só me deixou mais empolgada ainda, pois vejo que é uma história que me agradará bastante.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá Anastacia, tudo bem? Desde que ouvi falar do primeiro livro eu fiquei bem interessada nele. Parece que esse segundo também é promissor, o que me anima mais ainda. Espero que no meio da pilha que tenho pra ler eu consiga encaixá-los haha Ótima resenha <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oiee, tudo certo? Amei a resenha! Eu sou louca para ler essa série; todos falam tão bem de A Garota no Gelo! E como boa fã de thrillers e livros de detetive que sou, mal posso esperar para conferir esses mistérios e a Erika Foster.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Nossa, que interessante...não conhecia e gostei bastante, nem A Garota no Gelo eu li ainda, dá pra acreditar????

    Adorei a resenha e vou atras desse livro!

    ResponderExcluir