Resenha: Tudo Acontece no Momento Certo

14 agosto 2018
Sinopse: Em “Procurando o amor nos lugares errados”, Annie tentou arrumar um namorado pela internet, mas não conseguiu nada além de um coração partido. Enquanto se perguntava o que deu errado mais uma vez, ela conheceu um dançarino de hip hop atraente, engraçado e sincero. Mas​,​ assim que Casey a chamou para sair, ele teve que deixar a cidade para fazer um​a​ tur​nê com uma promissora pop star. Annie estava disposta a esperá-lo, mas então recebeu uma mensagem de Nate.
Mesmo ​ainda atraída​ por Nate​,​ Annie não esquece que​ ele transou com ela e depois a abandonou num bar sem dizer​ nada. Annie aceitará a explicação de Nate e lhe dará uma segunda chance? Ou o charme e a determinação de Casey para lhe mostrar como um homem de verdade deve tratar uma mulher a conquistar​ão? Pode ser também que os dois homens fiquem a ver navios quando alguém d​o seu passado reaparecer.
Junte-se​ à​ Annie em suas aventuras em “Tudo acontece no momento certo”, enquanto ela toma algumas das maiores decisões de sua vida.
Hello pessoas, tudo certinho?!?! Vamos falar do segundo livro série Amor em L.A. da autora Audrey Harte, Tudo Acontece no Momento Certo. No primeiro livro, Annie não conseguiu me cativar. Achei que faltou um pouco de maturidade a ela, em relação a sua vida amorosa. Dessa vez, não foi diferente.

Vocês lembram que ela conheceu Nate no Craiglist, que para fazer uma analogia que todos possam entender, é uma espécie de Tinder pago, e o cara sumiu. Para minha alegria, ela conheceu Casey, um fofo cheio de amor para dar. Então a beleza saiu da posição de levar um pé na bunda de um embuste, para ter dois pretendentes e um deles, teoricamente, um idiota. Então eis que ele reaparece querendo se desculpar, e ela faz o quê??? Aceita ouvir as desculpas do mala.

"[...] as flores são um gesto simpático, mas você não pode me comprar com rosas e um discurso bonito."
Casey viajou com alguma cantora em ascensão e vai ficar distante por um tempo, a ideia dela é que eles consigam se aproximar, mesmo com a distância. Mas, oh vou contar pra vocês, Annie tem algum defeito de fábrica, não é possível, risos. Mas quando achamos que tudo está resolvido e ela vai engrenar em sua relação com ele, a vida dela dá uma nova guinada e nada mais está garantido.

Tudo se deve a um encontro no shoping com alguém de seu passado. Alguém que partiu, mas que se deu conta de que a causa da separação não era responsabilidade dele e a deixa novamente sem saber o que fazer.
"Suspirando, Annie olhou para a TV, rezando por uma inspiração divina que a dissesse qual o caminho certo a seguir."
Bom, como eu já disse, ela tem a tendência a me irritar, mas as coisas definitivamente começam a melhorar quando ela recebe a ligação que sempre ansiou, ou seja, seu sonho profissional parece estar começando a dar certo. E enfim ela fez uma opção para sua vida pessoal.

No entanto estamos falando da Annie, né, então preparem-se para ficar com a pulga atrás da orelha, assim como eu fiquei, e vamos rezar para o desfecho da história dela vir logo. 

É um livro mais leve e mais divertido que o primeiro, tem momentos muito legais, mesmo com o embuste Nate, mas Casey é o grande cara do livro, ou não rsrsrs. Mergulhe mais uma vez na vida e nos problemas de Annie e tenha momentos de pura descontração, alternados a momentos de fúria.
"Respirando fundo, Annie se preparou para o golpe. Ele ia confessar uma coisa terrível[...]"
Quatro notas musicais, que vêm bem a calhar com a história de Annie.

Ficha Técnica:
Autor: Audrey Harte
Páginas: 196
Editora: Charme
Ano: 2018

Até mais!


Nenhum comentário

Postar um comentário