Resenha: Protegido Pelo Porto

21 fevereiro 2019
Com uma carreira bem-sucedida e vivendo em um apartamento com vista para o mar, Phillip Quinn vê o fim de sua glamorosa rotina no momento em que o pequeno Seth entra em sua vida. Determinado a cumprir a promessa que fizera ao pai adotivo, Ray, em seu leito de morte, Phillip assume os cuidados do garoto ao lado dos irmãos também adotados, Cameron e Ethan. Apesar do tempo que já passaram com Seth, os irmãos Quinn continuam tentando decifrar o que o menino realmente significava para Ray. Quando o futuro do garoto como membro da família Quinn parece assegurado, a chegada de uma misteriosa mulher promete comprometer o equilíbrio da vida que Phillip e seus irmãos planejaram para Seth. Sybill Griffin é uma pesquisadora ávida e curiosa, cujo objetivo estudo são os Quinn. Reservada e distante, ela deixa Phillip intrigado e ele, então, resolve desvendar suas verdadeiras intenções. No entanto, Sybill esconde um segredo que pode abalar Seth e separar a família para sempre.

Protegido Pelo Porto é o terceiro volume da série Saga da Gratidão, que inicialmente era para ser uma trilogia. Ela conta a história de três irmãos de coração, hoje homens, mas que foram adotados adolescentes por um casal cheio de boas intenções, já que os meninos eram problemáticos, e vieram das ruas. Cada um encontrou seu grande amor, e agora é a vez de Phillip.
Ele, acredito eu, é o irmão com quem mais me identifico. Phillip gosta das coisas boas, e ao contrário dos irmãos Cam e Ethan, foi morar na cidade grande, onde cursou faculdade e trabalha em uma empresa de sucesso. 

Contudo, com a promessa de cuidar do irmão mais novo, que surgiu quase ao mesmo tempo que o falecimento de seu pai, Ray, Phillip precisa se desdobrar para dar conta de sua rotina. Assim, ele fica em Baltimore, a cidade grande, de segunda a quinta, e passa os finais de semana no litoral com a família Quinn, seus irmãos e suas esposas. 


Por ser bom com números, Phillip é o responsável por cuidar da contabilidade da empresa que ele abriu com os irmãos, além de fazer compras e supervisionar as tarefas de Seth. É um arranjo nada fácil, mas que satisfaz a família. Assim, quando Sybill aparece na cidade litorânea, ela encontra todos os irmãos lá.

Sybill também veio da cidade grande, e é uma conhecida pesquisadora e escritora de livros. É formada em Psicologia e disse que veio em busca de dados para seu próximo livro, o que não é mentira, mas a moça tem mais intenções por trás de sua vinda. Ela precisa descobrir sobre Seth. 

Ela olhou para as portas de carga no fundo do galpão. Foi por elas que Seth saíra, parecendo completamente à vontade. Ela precisava passar mais tempo com ele, observando-o. E também, decidiu, precisava ouvir o que os Quinn tinham a dizer a respeito da situação. Por que não começar com Phillip?  

A atração de Phillip e Sybill é inegável, e os dois engatam um romance superfofo. Contudo, quando Phillip souber os motivos por trás da visita de Sybill, é bem provável que eles rompam o romance. Afinal, ela mentiu para os Quinn. Pode um romance dar certo, se começou com uma mentira?

As intenções da moça são boas, como você vai perceber se ler o livro, mas ela vai magoar pessoas de bom coração, que não mereciam passar por isso. E mais: Sybill possui sérios problemas familiares, e se ela realmente se envolver na história de Seth, trará seus problemas para os Quinn. 

Mas você tem que seguir em frente, do seu jeito. Vai ser duro. Não há muito tempo pela frente antes que as coisas fiquem ainda mais difíceis. Você vai ter que se colocar entre Seth e aquilo que mais o magoa. Eu sei disso. Só queria lhe dizer que você pode confiar nela. Na hora que a coisa ficar preta, Phillip, confie em você mesmo e nela.

Eu não tinha ideia de quem Sybill era, e fiquei bastante surpresa com o destino que o livro vai levar. Realmente Phillip precisará ter muita confiança e boa vontade para que seu romance continue, mas as mágoas serão inevitáveis para vários personagens. Há muitas surpresas, inclusive o desfecho de um mistério que começou no primeiro livro, quando desconfiavam de uma suposta traição de Ray e da legitimidade de Seth ser um Quinn. 

É um livro incrível, e eu o recomendo, assim como toda a série. Em março teremos a continuação, ou seja, o livro de Seth, que foi escrito após a trilogia, a pedidos dos leitores. Que venha Resgatado pelo Amor! Já quero!

Ficha técnica:
Autor: Nora Roberts
Editora: Bertrand Brasil
Ano: 2018
Páginas: 381

6 comentários

  1. Ahhhh...essa série!! Um melhor que o outro!! Também não sabia nada sobre a Sybill, foi uma surpresa interssante. E adorei a dinâmica do casal, sofisticados, inteligentes, perfeitos um para o outro. Foi um livro que realmente devorei, história muito bem escrita, como sempre, e com todas as pontas soltas sendo amarradas. Os últimos detalhes dessa família certamente vamos conhecer no livro do Seth, que eu não vejo a hora de ler. Nora arrasando nossos corações, como sempre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa minha xará sempre resume o livro muito bem (risos). Acho que esta é uma característica que Nora tem, de fazer os personagens encontrarem seus pares perfeitos, pessoas que foram feitas umas para as outras. Eu amei, e agora estou com o coração partido porque em março ficaremos sem os Quinn!

      Excluir
  2. Amo amo amo a Nora, diva maravilhosa! Li os dois primeiros livros dessa série, emprestados por uma amiga e depois não peguei com ela o terceiro volume. Agora que li sua resenha, preciso ler o terceiro e já fiquei feliz que o quarto Livro será lançado! O mistério sobre a legitimidade da paternidade de Seth é algo marcante e Philip, apesar da cabeça dura, merece ser feliz. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois leia o terceiro, porque o livro é ótimo! Resolve problemas e amarra histórias, e o próximo volume espero que feche com chave de ouro!

      Excluir
  3. Oi Nanda! Tudo bem? Acredita que eu ainda não li nenhum livro da Nora?! Mas aproveitei aquela promoção do Submarino e comprei a Sina dos Sete, hihi. Você conhece? Vamos ver se é bom!!! Coloquei esse da sua resenha na minha wishlist também, parece bonzão!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, May, você não tem ideia do que está perdendo! Eu não conheço esse livro da Nora, ela tem muitos, publica um por mês, mas acredito que deve ser muito bom também. Beijos!

      Excluir