Resenha: No Mundo da Luna

28 novembro 2019
A vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome. Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção? Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor. Com seu estilo ágil e fluido, Carina Rissi criou em No mundo da Luna uma leitura viciante, permeada de humor, magia e paixão, que vai conquistar você do início ao fim.

Eu havia parado de comentar sobre sinopses, não sei se você reparou. Na maioria das vezes, reclamava que elas diziam demais, e que eu não as leio porque gosto de conhecer fatos ao ler o livro, e não a sinopse.

Contudo, preciso voltar ao hábito de antes, mas agora para elogiar. Achei essa sinopse excelente! Afinal, não fala que perigos a aguardam, nem por quem Luna irá se apaixonar. Acontece que assim eu me sinto um pouco sem saída, porque não quero contar demais (risos). Bom, vamos tentar. 



Luna saiu há pouco tempo de um namoro morno, e agora seu ex-namorado a persegue, insistindo para voltarem. Logo ele, que a traiu e ainda está com a tal garota! Como se não bastasse, as finanças de Luna não andam nada bem, principalmente porque seu carro, um Twingo velho e detonado, de cor "azul calcinha" vive mais no conserto do que em movimento pelas ruas de São Paulo.

Aí ela tem um chefe idiota, que mal a nota, namorado de uma modelo espetacular. O nerd tem óculos ridículos, cabelo feio, e ainda por cima a chama de Clara. Sua vida não é nada fácil, e ela não aguenta mais esperar por uma oportunidade, enquanto trabalha na recepção da Fatos&Furos.

Um belo dia, a oportunidade tão esperada surge. Não é bem assim! Afinal, Luna recebeu a coluna de horóscopo da revista, a qual ninguém lê. Ela não se animou muito, mas é melhor do que nada, não é mesmo? Apesar de não possuir experiência e conhecimento algum no segmento, Luna corre para a mesa da colunista de horóscopo, para preparar suas previsões.

Como você acha que nossa protagonista se sairá dessa? Bom, não posso dizer, mas ela se surpreenderá, disso você pode ter certeza. Aliás, surpresas não param de chegar na vida de Luna, principalmente depois que seu chefe descobre que seu nome não é Clara, e quando sua vizinha de porta resolve viajar de férias. A vida de Luna virará de cabeça para baixo!

Sim, parece não ser o romance perfeito, e aparentemente é o homem errado, mas rotina não faz parte da vida de Luna. O final é lindo, esperado, como um bom clichê. A escrita de Carina colabora bastante, pois é fluida, envolvente e bem humorada, só achei que o livro poderia ser um pouco menor. Talvez umas 300 páginas apenas? De resto, adorei.

Peço desculpas a você por não ter citação, mas as que separei não se encaixaram no que escrevi, ou então revelaram nomes que ocultei propositalmente. Mas recomendo, vale a pena! 

Ficha técnica:
Autor: Carina Rissi
Editora: Verus
Ano: 2015
Páginas: 476

Na próxima quinta-feira você conhecerá a minha opinião sobre um lançamento de novembro da editora Arqueiro. Não perca! 

Nenhum comentário

Postar um comentário