Resenha: Ainda Sou Eu

16 janeiro 2020

Sequência dos romances Como Eu Era Antes de Você e Depois de Você, que arrebataram o coração de milhares de fãs, Ainda Sou Eu conta, pela perspectiva delicada e bem-humorada de Lou Clark, uma história comovente sobre escolhas, lealdade e esperança. Lou Clark chega em Nova York pronta para recomeçar a vida, confiante de que pode abraçar novas aventuras e manter seu relacionamento à distância. Ela é jogada no mundo dos super-ricos Gopnik - Leonard e a esposa bem mais nova, e um sem-fim de empregados e puxa-sacos. Lou está determinada a extrair o máximo dessa experiência, por isso se lança no trabalho e, antes que perceba, está inserida na alta sociedade nova-iorquina, onde conhece Joshua Ryan, um homem que traz consigo um sopro do passado de Lou. Enquanto tenta manter os dois lados de seu mundo unidos, ela tem que guardar segredos que não são seus e que podem mudar totalmente sua vida. E, quando a situação atinge um ponto crítico, ela precisa se perguntar: Quem é Louisa Clark? E como é possível reconciliar um coração dividido?

Primeiramente, para não dar spoiler, escrevi esta resenha suponho que você leu Como Eu Era Antes de Você e Depois de Você, ok? Se você não leu os livros anteriores, agradeço sua visualização, mas recomendo parar por aqui. 



Ainda Sou Eu estava na minha lista de livros para ler em 2020, mas não resisti e acabei começando ainda em 2019, no dia de Natal. Excelente escolha, ponto para você, Nanda! Foi arriscado, pois achei Depois de Você bem meia-boca, e estava com medo de acontecer o mesmo com este livro.

Mas, como disse, foi uma excelente escolha, e Lou voltou a cair nas minhas graças. Sei que ela passou por uma situação péssima, peço a Deus para nunca passar nem perto disso, mas foi há anos e ela ainda vive presa ao passado, remoendo algo impossível de voltar. Louisa não conseguiu superar a perda de Will e hoje vive à sombra, longe do que ele sonhou para ela. Até Ainda Sou Eu. 


Afinal, Nathan,seu amigo desde o primeiro livro, colega de trabalho na casa de Will, a convida para sair da Inglaterra e ir trabalhar nos Estados Unidos, para a família de ricaços para a qual ele trabalha. Lou não perde tempo e vai pra lá, deixando a família, um namorado sem sal e um emprego medíocre. 

Seu título oficial é "assistente" e você estará presente para ajudá-la om o que ela precisar ao longo do dia. Ela tem muitos compromissos... Pedi ao meu assistente que lhe passasse a agenda da família, você receberá e-mails com as atualizações. É melhor checar por volta das dez da noite... Em geral é nesse horário que fazemos mudanças de última hora. 

A vontade de viver que presenciamos em Lou é bem empolgante, desde o início. Ela se esforça para agradar os Gopnik e aproveitar Nova York, mas é um mundo diferente, de alto-nível. Mesmo assim, com o passar do tempo, Louisa se integra ao meio, e inclusive faz amizade com um moço que lembra muito Will, chamado Joshua. 

Porém, como disse a sinopse, segredos que não são seus podem mudar totalmente sua vida, e Lou precisará recomeçar novamente. É aí que ela precisa tomar uma decisão: se fazer de coitadinha de novo, ou mais uma vez tentar dar a volta por cima? A escolha fará toda a diferença para Lou, e é onde mais eu gostei dela.

E não se esqueça de que o coração de Lou ainda tem dono, apesar de ser o sem sal do Sam, com o qual ela mantém um conturbado e por vezes frustrado relacionamento à distância. Será que eles conseguirão driblar as dificuldades, morando em países diferentes, com o ciúme rondando sem parar? Ou Josh terá lugar no coração de Lou? Eu AMEI como Jojo resolveu essa parte!

Talvez eu estivesse destinada a ficar com esse homem, pensei, ainda que por um caminho tortuoso e perturbador. Talvez esse homem ao meu lado fosse Will, de volta para mim. E com esse pensamento, fechei os olhos e caí em um sono breve e inquieto. 
O livro foi uma excelente leitura, e também um excelente fechamento para a série. Recomendo que leia para comprovar! 


Ficha técnica:
Autor: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Ano: 2018
Páginas: 400
Skoob: Ainda Sou Eu

Acompanhe minhas resenhas, na semana que vem tem mais! 

2 comentários

  1. Amei essa série, e esse terceiro livro foi bem melhor que o segundo, embora eu goste muito de todos eles. Acho a Lou uma personagem extremamente cativante, adorei acompanhar o crescimento pessoal dela, a luta pelos seus objetivos. E o Sam dispensa comentários, amei demais esse personagem tão querido. Foi realmente uma linda conclusão para a jornada da Louisa Clark.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Sam me deu um pouco de ranço no segundo livro, que achei bem sem graça. Os outros dois foram maravilhosos e acho que Jojo deu um excelente final para o casal e para Lou, porque ela realmente evoluiu muito e nos surpreendeu.

      Excluir