Resenha: Southern Storms

04 abril 2020
Sinopse em tradução livre: Tudo o que eu queria era fugir, não esperava colidir com seus braços ...Depois de deixar para trás a vida na cidade grande para escapar do meu casamento sem amor, mudei-me para a pequena cidade de Havenbarrow para um recomeço.O que eu não esperava era me sentir atraída pela ovelha negra da cidade.Eles o chamavam de perturbado. Frio. Um homem com um passado sombrio.O que todo mundo parecia perder em Jax eram os pequenos brilhos de luz em seus olhos. Os atos aleatórios de bondade que ele realizava quando ninguém estava assistindo. O jeito que ele me fez sorrir e rir.Jax me ajudou a desempacotar a bagagem que eu carregava comigo. Ele era paciente com minha dor e gentil com minhas cicatrizes. Ele foi o silêncio durante o meu furacão.No entanto, quando nosso passado voltou a assombrar nossos dias atuais, percebemos rapidamente que às vezes as histórias de amor não terminavam como esperávamos.Às vezes, você ficava apenas com os danos da tempestade.
"If you need to run away, run away to me."
Hello pessoas, tudo certinho?!? Demorei,  mas cheguei com a resenha de Southern Storms da Brittainy C. Cherry. O livro é o primeiro da série Compass. Sou fã e babo em tudo o que Britt escreve? Com certeza!! Fecho os olhos para as possíveis falhas?? Sempre!!! Mas dessa vez vou falar uma única coisa: como me lembrei de Vergonha... SOCORROOOOO.

Comentei com a Janine e com a Dri que amoooo Disgrace, é meu livro favorito dela, mas Jax me lembrou demais Jackson em vários aspectos. Isso é ruim?? Não,  uma vez que para mim é o melhor livro, mas a contrapartida é que parece que tinha a receita pronta e usou. Esse é o único defeito. Southern Storms nos leva de volta àquela Britt que arranca nossos corações.
"I'd failed my vows, but he had failed his, too."

Para contextualizar, o livro foi lançado oficialmente dia 02/04, mas no dia 01/04 já estava disponível na Amazon, portanto você não terá muitas infos sobre a história, okay?!? Kennedy sofreu um baque em sua vida. Casada com Penn, um belo boy lixo, um camarada sem um pingo de empatia e verdadeiramente odioso. A Mi do Pick a Book comentou que lembrou de mim lendo o livro, e logo no primeiro capítulo fica bem óbvio o motivo. O camarada é um lixo. Simples assim.

Ela precisa refazer sua vida e sua alma, precisa voltar a escrever e para que ela reencontre seu caminho, ela vai em busca da ajuda de sua irmã Yoana. Apesar da dúvida se deve ou não procurar a irmã, ela é extremamente acolhida por ela. E é graças a essa acolhida que Jax entra na equação.
"I missed your light so damn much. I'd been living in darkness for so long..."
Jax criança/jovem é encantador de várias formas, a gente quer cuidar dele para que ele não sofra. Mas o adulto é tudo que apaixonadas por clichê, como eu, querem da vida. Sério esse personagem é tudo e um pouco mais. A verdade é que existe um segredo, nem tão segredo assim, acho até que segredo não é a palavra certa, entre eles. E uma história linda se constrói aí. 

A Britt raiz encheu o livro com as melhores referências tanto musicais quanto da cultura Pop, mostrando todo seu lado nerd, e eu amooooo!!!! Nos fez ver algumas coisas, que são importantes, sob a luz de um prisma diferente e ainda traz, mesmo que sutilmente,  porque eu queria uma discussão mais ativa e direcionada, discussões sobre relações baseadas em ações de abuso. E aqui minha gente estou falando de desmerecer, envergonhar e ainda se glorificar com o sofrimento alheio.

A tempestade da história é toda a construção da vida de ambos os personagens, acho até que, em minha mente sonhadora, que o plural do título é proposital. E como diz num teaser que a autora liberou e que está muito claro no livro, são as esquisitices e as diferenças nas nuances de cada um de nós,  que nos torna especiais. 
"I was thankfull for all the rainstorms that brought me back to him."
Um livro lindo de diversas formas, emocional do jeitinho Britt de ser que vai te deixar com aquele suor ocular desde o prólogo, e que no decorrer do livro quando ligamos o ponto A ao ponto B damos aquele suspiro, ou no meu caso um grito bem grande. Southern Storms veio para colocar a autora no lugar de destaque que ela merece. Leitura mais que recomendada.

Nenhum comentário

Postar um comentário