Resenha: Uma Promessa e Nada Mais

23 abril 2020

QUINTO VOLUME DA SÉRIE CLUBE DOS SOBREVIVENTES. Mary Balogh já vendeu mais de 160 mil exemplares pela Arqueiro e é presença constante na lista de mais vendidos do The New York Times. Ralph Stockwood sempre se orgulhou de ser um líder nato. Mas, quando convenceu os amigos a lutarem com ele nas Guerras Napoleônicas, nunca imaginou que seria o único sobrevivente. Mesmo atormentado pela culpa, Ralph precisa seguir em frente, arranjar uma esposa e garantir um herdeiro para seu título e sua fortuna. Desde que a participação de Chloe Muirhead na temporada de Londres terminou de forma desastrosa, ela aceitou a possibilidade de ser, para sempre, uma solteirona. Para escapar da própria família, a moça se refugia na casa da madrinha de sua mãe. Lá, conhece Ralph. Ele precisa de uma esposa. Ela não acharia ruim encontrar um marido. Então Chloe sugere que os dois se casem, por conveniência. A condição é uma só: Ralph precisa prometer que nunca a levará de volta a Londres. Mas, de uma hora para outra, as circunstâncias mudam. E logo fica claro que, para Ralph, o acordo foi apenas uma promessa e nada mais...

Se você acompanha minhas resenhas, sabe que adoro a série Clube dos Sobreviventes. Sendo assim, quando o quinto volume foi lançado e chegou até mim, somente terminei minha leitura anterior e já comecei a lê-lo. E quero mais! 

Mary Balogh não deixou a desejar, conforme o previsto. Ela tem criado personagens fortes, sobreviventes de um mundo cruel, mas muito resistentes, características não somente restritas aos homens, mas a seus futuros pares. 


Chloe é inocente, mas foi alvo de fofocas há seis anos, quando debutou, mas também no ano anterior. Nesse meio tempo, Ralph se afogava em culpa por ter sobrevivido enquanto seus três amigos da infância e juventude faleceram na guerra, supostamente influenciados por ele a participarem do motim.

É na casa dos avós de Ralph que os dois se encontram pela primeira vez: ela porque servia como hóspede acompanhante da duquesa de Wortingham, ele por visitar os familiares, já que seu avô estava muito velho e doente.

Ao saber que Ralph precisa urgentemente de uma esposa e de herdeiros, e por precisar de um marido e querer filhos, nossa forte e destemida Chloe propõe a ele que se casem. Não haverá envolvimento emocional, apenas o cumprimento dos desejos e necessidades deles, e eles deverão morar no interior, bem afastados de Londres, de algumas pessoas e de muitas fofocas, conforme vontade de ambos.

Estou sugerindo um... acordo de interesse mútuo, lorde Berwick. Algo que seria adequado aos dois sem magoar ninguém. O senhor precisa de uma esposa, mas não quer encontrar uma. Eu preciso de um marido, mas tenho pouca chance de encontrá-lo. O senhor não está em busca de amor. Nem eu. Já o encontrei uma vez, mas demonstrou ser um sentimento ilusório e ridiculamente doloroso. 

Porém, muito antes do previsto, o casal terá uma série de obrigações. Quando as circunstâncias mudam, de um dia para o outro, literalmente, Ralph precisará descumprir a promessa feita à sua esposa, indo contra a sua palavra e seus desejos, pelo bem da sociedade.

É aí que tanto Chloe quanto Ralph precisam ultrapassar vários desafios. Muitas visitas deverão ser feitas para que a paz possa retornar à vida de ambos, e talvez das pessoas que receberão os dois. Chloe jamais imaginou que isso fosse necessário em sua até então modesta vida, mas são compromissos inerentes à sua posição na sociedade.

É compreensível que não queira mais ter contato com a alta sociedade - prosseguiu ele. - Em retrospecto, talvez não tenha sido sábio casar com um conde que era herdeiro de um duque idoso. Mas casou. E, como resultado, será obrigada a enfrentar a sociedade mais uma vez. (...). Vai fazer isso, Chloe? Ou vai permitir que o medo mantenha você escondida pelo resto da vida? 

Uma Promessa e Nada Mais é um livro maravilhoso, que nos mostra personagens repletos de medo, mas também de coragem. Juntos, Ralph e Chloe superarão desafios e, claro, nos mostrarão que uma (ou mais) promessa poderá ser quebrada, porém, pelo bem do casal e de todos os envolvidos. É uma história apaixonante, que já nos deixa querendo conhecer o sexto volume da série! 

Ficha técnica:
Autor: Mary Balogh
Editora: Arqueiro
Ano: 2020
Páginas: 272

Semana que vem eu volto, provavelmente com uma resenha de livro nacional fofinho! 

2 comentários

  1. Estou amando essa serie da Mary, mas parei no teceiro livro, pois vieram outras leituras na frente. Estou doida pra ler esse e conhecer melhor o Ralph; amei a história só pela sua resenha, promete ser apaixonante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa série é maravilhosa, Mary Balogh tem o poder de nos encantar mais a cada livro!

      Excluir